Quarta-feira, 15 de Dezembro de 2010

[Notícia] Projecto de lei contra anime e manga aprovado em comité!

Projecto de lei contra anime e manga aprovado em comité!


O projecto de lei promovido pelo governo metropolitano de Tóquio e já aqui falado pelo nosso repórter nipónico foi hoje aprovado em comité e muito provavelmente vai ser aceite em assembleia-geral uma vez que o partido democrático japonês já veio a público apoiar a lei.
A lei criada pelo governo metropolitano de Tóquio visa proteger e promover o desenvolvimento saudável dos jovens, para tal proíbe qualquer conteúdo que possa “prejudicar” o seu correcto desenvolvimento. Que implicações terá esta lei?
Por muitos é considerada uma lei anti-Otaku, algum conteúdo é pura e simplesmente proibido enquanto que outro considerado “prejudicial” é atirado para a secção de entretenimento para adultos, via internet será praticamente impossível adquirir estes animes/ mangas/ jogos. A lei vai pura e simplesmente limitar a liberdade criativa dos autores, as editoras deixarão de apoiar determinados projectos que podem ser mais sensíveis e rejeitados levando a um desperdício de recursos e muitas mangas serão canceladas devido à falta de uma revista adequada para o efeito.
Muitos dos animes transmitidos à noite em Tóquio deixarão de ser exibidos, se tomarmos como exemplo a actual temporada são muitos os títulos passíveis de ser banidos: Ore no Imouto, Panty & Stocking, Yosuga, Sora no Otoshimono, Milky Holmes.

A seguir ficam alguns dos principais pontos da lei (podem ler o projecto de lei aqui)

–> A lei aplica-se a qualquer personagem (independentemente da idade)
Esta é a componente anti-lolicon da lei que para muitos está mal implementada / explicada, ainda hoje a mangaka Shouko Takaku revelou que a sua editora como medida preventiva proibiu-a de utilizar estudantes nas suas mangas implicando assim o fim dos uniformes escolares, Kanako Meiji revelou também que a sua editora está a ponderar cancelar a publicação de um trabalho seu em Abril.

–> A lei aplica-se a todos os animes, mangas e imagens
A lei é tão vaga que baseados nestes critérios será até possível banir videojogos

–> Proibir conteúdos que exibem actos sexuais ou a simulação destes que seriam ilegais na vida real ou entre parentes que legalmente não se poderiam casar.

–> A exibição de actos que glorificam e exageram a violência e sexualidade de forma desnecessária
Podem dizer adeus aos ecchi mais arrojados e títulos como High school of the dead nunca veriam a luz do dia, para não falar em todos os animes onde há desmembramentos e gore!!!

–> Aplicação sobre todos os conteúdos que sejam prejudiciais para o correcto desenvolvimento da sexualidade dos jovens e o governo metropolitano de Tóquio terá poder unilateral para banir qualquer conteúdo onde o acto sexual ou sua simulação seja considerado corruptivo da ordem social.
Podem dizer adeus aos títulos bishoujo e em definitivo a todos os títulos Yaoi uma vez que Shintaro Ishihara o presidente do governo metropolitano de Tóquio já veio a público afirmar que os homossexuais são geneticamente defeituosos e criaturas deploráveis.
A lei entrará em vigor em Julho de 2011 e embora apenas se restrinja a Tóquio é lá que as grandes editoras têm os seus estúdios e mercado, estando portanto fora de questão a sua recolocação noutros locais do pais.
Resta uma pequena esperança que a assembleia chumbe a lei, mas tal é muito muito muito improvável.

Actualização: O primeiro ministro japonês Naoto Kan criticou publicamente o governador de Tóquio pelas consequências que este trouxe para a Tokyo International Anime Fair 2011 devido ao protesto das editoras e afirmou “É importante que as crianças crescem de maneira saudável, mas também é importante a transmissão da animação japonesa para o resto do mundo”.
Actualização: Um dos CEO da Shueisha revelou que devido ao protesto da indústria a Tokyo International Anime Fair 2011 está na iminência de ser cancelada bem como o Comiket. Esperam-se também protestos que perturbarão a região turística de Akiba.
A Shueisha bloqueou a participação de qualquer uma das suas franchises no Tokyo International Anime Fair 2011 e como eles publicam a

Shonen Jump tal implica a ausência de One Piece e Naruto bem como muitos outros animes internacionalmente conhecidos.

FONTE: http://www.otakupt.com/anime/projeto-de-lei-contra-anime-e-manga-aprovado-em-comite/#more-12203

Nem sei s vale a pena comentar... :S
publicado por mixkids às 16:21
link do post | favorito
Comentar:
De
( )Anónimo- este blog não permite a publicação de comentários anónimos.
(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
16
17
18
19
21
22
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. Mondo Tv compra Gaumont F...

. [Notícia] Anipop Matsuri ...

. [Noticia] Estreias na Sic...

. CLAMP anuncia final de Ko...

. Scan2Go

. Novidades DVD da Semana d...

. barraca na estreia de Ful...

. Guia de Livrarias Manga

. bleach na radical finalme...

. [Noticia] ANICOMICS LISBO...

.arquivos

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds

Em destaque no SAPO Blogs
pub